domingo, 25 de janeiro de 2015

Os 7 pecados capitais em dietas detox

7 comidas e bebidas que estão envenenando sua dieta e seu corpo! Elimine-as já dos pratos. Saiba os alimentos que você nunca deve consumir

1. Álcool


Não, você não pode beber álcool se está numa dieta detox. O álcool tem um efeito muito tóxico no fígado. A cada passo a frente que se dá ao ingerir alimentos detox, dá-se dois passos atrás ao beber álcool. O álcool irá desfazer todo o trabalho duro da dieta detox. Ele pode causar uma doença muito grave chamada de fígado gordo (esteatose hepática). Por que? Porque o álcool é quase todo metabolizado no fígado. E isso dá um enorme trabalho para esse órgão. E, quando seu fígado sofre, todo o seu corpo sofre junto.

2. Bebidas contendo cafeína
As bebidas contendo cafeína podem ter um efeito diurético no corpo: você sentirá mais vontade de ir ao banheiro. Daí, se você não beber muita água, seu corpo irá sofrer com a desidratação. E, é claro, a cafeína é uma substância que também é metabolizada no fígado. Em vez de beber muito mais água para lidar com a desidratação que o café e outras bebidas cafeinadas causam, é melhor apenas evitá-las. Sua dieta detox agradece.

3. Doces e chocolates
O excesso de açúcar que doces e chocolates possuem irão causar um grande estresse para seu fígado e acabar com sua dieta detox. Dê o seu melhor para deixar essas comidas de lado. Você vai ver, que, com o tempo, ficará mais fácil resistir a eles. É só experimentar as comidas que sugerimos nesse post aqui: confira clicando aqui o top 10 dealimentos detox.

4. Pipoca de microondas
A embalagem dessas pipocas contém uma substância chamada de ácido perfluoro-octanóico. O que esse nome tem de perigoso, ele tem de cancerígeno. Quando é esquentado pelo microondas, esse componente químico já mostrou causar câncer e infertilidade em animais de laboratórios. E sem contar os óleos e emulsificantes usados nessas pipocas. As pipocas de microondas também contêm enormes quantidades de gordura trans, que aumenta o risco para ataques cardíacos e derrames.

E sabe aquelas pipocas sabor manteiga? O cheirinho e gosto da manteiga é de um composto químico chamado diacetil. Ele é tão perigoso para a saúde que algumas indústrias já o tiraram da fórmula das pipocas, pois estavam causando doenças sérias ao empregados que estavam expostos a ele.

Todo esse conjunto de aditivos químicos, saborizantes, conservantes presentes na pipoca dão um trabalhão para seu fígado. Isso coloca sua dieta detox em risco.

5. Margarina
Se você precisar escolher entre manteiga e margarina, não pense duas vezes em escolher a manteiga! A margarina é feita de óleos vegetais parcialmente hidrogenados. O nome bonito encobre a realidade: gorduras trans. A margarina não só prejudica seu fígado, atrapalhando ele na função de remover substâncias nocivas do seu sangue, como também aumenta as chances de você ter um ataque cardíaco ou derrame.

6. Sucos de fruta industrializados
Não pense que os sucos que você encontra no supermercado (Ades, Del Vale...) são saudáveis. Dá até para entender: a palavra "fruta" dá ideia de natural. Mas eles são lotados de açúcar – às vezes os sucos de caixinha têm mais açúcar que refrigerantes. Todo esse açúcar pode causar problemas ao fígado. Alguns são praticamente água com açúcar e aditivos químicos com sabor de fruta. Fique com seu suco detox.

7. Óleo de cozinha
Mesmo que o rótulo diga 0% gordura trans, isso não é verdade. Ao ser aquecido, a gordura trans do óleo de cozinha vai sendo liberada. A opção mais saudável é o óleo de coco. A gordura trans é absorvida pelo fígado e lá é metabolizada. É uma das vilãs que podem causar a esteatose hepática, a doença do fígado gordo. Desse modo, fique longe disso. A maior parte dos óleos de cozinha irá prejudicar todo seu esforço na dieta detox.

Nenhum comentário:

Postar um comentário